XUAN THIEN GROUP E CSC CONSTATAM CONDIÇÕES OPERACIONAIS DO PORTO DO NAMIBE PARA EXPORTAÇÃO DO FERRO GUSA

Uma equipa integrada pela Xuan Thien Group e Companhia Siderúrgica do Cuchi (CSC), visitou neste Domingo (28), o Terminal Multiuso do Porto do Namibe, a fim de aferir as condições operacionais para a segunda exportação do Ferro Gusa, prevista para o mês de Maio do corrente ano.

A visita, avaliou igualmente as condições existentes nas instalações do Porto, que poderão se traduzir em investimentos no ramo da mineração, produção de Ferro Gusa e instalação de uma fábrica de cimento.

De acordo com o Administrador para a área Comercial, Domingos Delfim, o Porto do Namibe, tem as condições mínimas para a carga, descarga e armazenagem da referida matéria prima.

“Pretendemos realizar a segunda operação de exportação do Ferro Gusa, na quantidade de 20.500 toneladas, prevista para o mês de Maio, contra as 19.500 toneladas, efectuado no ano transacto, que demorou cerca de 6 dias de operação; é desígnio do Porto, para que o próximo carregamento, seja reduzido o tempo de operação”, recalcou Domingos Delfim.

GABINETE DE COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL E MARKETING, AOS 30 DE ABRIL DE 2024.

PORTO DO NAMIBE, INOVAR PARA MELHOR SERVIR.

CABOTAGEM SUL E PERSPECTIVAS ABORDADO NA V MESA REDONDA DA APANG

A Cabotagem Sul e Perspectivas, foi um dos temas abordados na V Mesa Redonda da Associação dos Portos de Angola, que decorreu nas cidades de Soyo e Cabinda de 9 – 12 de Abril, sob o lema: “A Cabotagem Nacional e o seu impacto na economia”.

A apresentação coube ao Administrador para a área Administrativa e Recursos Humanos da Empresa Portuária do Namibe, David Monocaca Bengani, no dia 11 de Abril no Cine teatro Chiloango em Cabinda, que de forma clara e evidente, apresentou factos que devem ser considerados para o relançamento da Cabotagem no Sul de Angola.

David Bengani, fez uma incursão sobre as infraestruturas portuárias existentes no Terminal Multiuso do Porto do Namibe, e outras por se construir, bem como os fluxos de cargas movimentadas mensalmente e anualmente na região Sul.

O sal, fino de minério, escória de auto forno, calcário, cimento e peixe congelado, são os produtos com maior incidência, representando um volume de carga de mais de 50.000 toneladas a movimentar por mês.

Com estes dados, David Bengani, considerou estarem criadas condições para o relançamento da cabotagem no Sul de Angola, que actualmente possui mais de 4 milhões de habitantes.

Presenciaram a referida apresentação, os delegados pelo Porto do Namibe, nomeadamente, Manuel Nazareth Neto, PCA e Presidente de Direcção da APANG, David Bengani, Administrador para a área Administrativa e Recursos Humanos, Domingos Francisco, Administrador para a área Comercial e Operações, Júlio Ângelo Correia, Administrador não Executivo, Virgílio Ambrósio, Director do GACA, José Silva, Assessor do Conselho de Administração, Luís César, Chefe de Departamento de Inspecção e Fiscalização da Direcção Comercial e Operações e Virgílio Tchimbuli, Assessor do Gabinete de Comunicação Institucional e Marketing.

GABINETE DE COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL E MARKETING, AOS 15 DE ABRIL DE 2024.

PORTO DO NAMIBE, INOVAR PARA MELHOR SERVIR.

COMUNIDADE ANGOLANA NA DIÁSPORA ANIMADA COM A DIMENSÃO DO PROJECTO INTEGRADO DE DESENVOLVIMENTO DA BAÍA DE MOÇÂMEDES

A Comunidade Angolana na Diáspora em digressão pelo país, mostrou-se animada com a dimensão do Projecto Integrado de Desenvolvimento da Baía de Moçâmedes, um dos maiores projectos em curso ao nível do Subsector Marítimo e Portuário.

Provenientes de países como Bélgica, Portugal, República Checa, Espanha e África do Sul, os contemporâneos estão em digressão pelas províncias angolanas do Namibe, Benguela, Huíla, Cunene, Huambo, Bié, Cuanza-Norte, Malanje, Lunda-Sul, Bengo, Uíge, Zaire e Cabinda, para constatarem “in-loco” os progressos já alcançados e os desafios que o país ainda tem pela frente.

Para a cidadã Amélia Cunha, residente na Alemanha, a visita às zonas de implementação do Projecto Integrado de Desenvolvimento da Baía de Moçâmedes, foi satisfatória na medida em que permitiu-lhe obter informações sobre o andamento das obras, funcionamento do Porto do Namibe, refletindo desse modo a realidade do país, ambicionando fazer parte da evolução económica de Angola com os investimentos que o Governo está a levar a cabo.

GABINETE DE COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL E MARKETING, AOS 10 DE ABRIL DE 2024;
PORTO DO NAMIBE, INOVAR PARA MELHOR SERVIR.

PORTO DO NAMIBE ENCERRA PARTICIPAÇÃO NA FEIRA DAS FESTAS DO MAR COM DISTINÇÃO DE MELHOR STAND

O Porto do Namibe encerrou a sua participação na Edição 2024 da Feira das Festas do Mar, com a distinção de melhor stand.

O anúncio foi feito durante a cerimónia de encerramento da maior montra de negócio do Namibe, prestigiado pelo Governador Provincial em exercício, Abel Kapitango, Vice-Governadora para os Serviços Técnicos e Infraestruturas do Namibe, Ema da Silva e pelos Administradores Municipais de Moçâmedes e Tômbwa.

A organização do evento homenageou com menção honrosa pelo seu contributo na concretização das Festas do Mar, o Porto do Namibe, Agrolíder, Administração Municipal de Moçâmedes, Acelera Angola, Kaleido, Hiper Máquinas, Ngassakidila, Tuamutunga, EPASN, STATUS, Refriango e Angolítio.

Este ano, as Festas do Mar, foram realizadas sob o lema “Fortalecendo a Cultura, Dinamizando o Turismo Sustentável”.

GABINETE DE COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL E MARKETING, AOS 08 DE ABRIL DE 2024;

PORTO DO NAMIBE, INOVAR PARA MELHOR SERVIR.

NAVIO CRUZEIRO ATRACA NO PORTO DO NAMIBE

Um navio do tipo cruzeiro com 28 turistas, atracou no Porto do Namibe na manhã desta Terça Feira, 2 de Abril.

Antes de escalar no Porto do Namibe, o navio fez escala na vizinha República da Namíbia, carregando turistas oriundos de países como, África do Sul, Estados Unidos de América, Alemanha, Brasil Itália e Portugal.

Na agenda de 8 horas dos turistas, constam a visita aos monumentos históricos e turísticos do Namibe, com destaque as zonas onde se encontra a formosa planta Welwitschia Mirabilis.

Durante a cerimónia de recepção do navio, a Vice-Governadora para os Serviços Técnicos e Infraestruturas do Namibe, Ema da Silva, avançou que a província está na rota internacional dos locais turísticos de eleição dos turistas, reconhecendo que, a entrada em funcionamento do Projecto Integrado de Desenvolvimento da Baía de Moçâmedes irá reunir melhores condições operacionais deste tipo de navios e por conseguinte aumentar a frequência no Namibe.

Visivelmente satisfeitos, os turistas ambicionam visitar e explorar o máximo as potencialidades turísticas do Namibe.

GABINETE DE COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL E MARKETING, AOS 02 DE ABRIL DE 2024.
PORTO DONAMIBE, INOVAR PARA MELHOR SERVIR.

TRABALHADORES PORTUÁRIOS ESCLARECIDOS SOBRE FINANCIAMENTO BANCÁRIO COM IMPULSO PARA O DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO.

Os funcionários da Empresa Portuária do Namibe – E.P, foram nesta Segunda Feira (18), no Auditório da Capitania do Porto do Namibe, regalados com uma Palestra sob o tema: “Financiamento Bancário com Impulso para o Desenvolvimento Económico, Elaboração do Orçamento Familiar e Pessoal”.

A acção foi proporcionada pelo Banco Nacional de Angola (BNA), e temáticas como, elaboração de orçamentos, importância da participação familiar nas finanças, receitas fixas e variáveis, a necessidade de investir para a constituição de riqueza, mitos e verdades do empreendedorismo, finalidades da poupança, bem como as vantagens e desvantagens dos créditos bancários, foram discorridos.

Estes diferentes temas, foram dissertados pelo Chefe do Sector de Supervisão do Banco Nacional de Angola, Carlos Soma, Técnico de Supervisão do BNA na Região Sul, Manuel Jamba e o Técnico de Acompanhamento ao Crédito, Laurindo Lopes.

No final do certame, o Administrador para a Área Administrativa e Recursos Humanos da Empresa Portuária do Namibe, David Bengani, fez saber que os temas ora preleccionados servirão de reflexão para cada portuário, olhando para a escassez de recursos apresentada pela teoria económica e as necessidades ilimitadas.

“O consumo quando alinhado ao consumismo excessivo sem uma necessidade real, leva a um nível considerado anormal atendendo a conjuntura económica do País”, enfatizou.

GABINETE DE COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL E MARKETING, AOS 19 DE MARÇO DE 2024.
PORTO DONAMIBE, INOVAR PARA MELHOR SERVIR.

FUNCIONÁRIOS DA EPN SENSIBILIZADOS SOBRE O PAGAMENTO DO IP E IVM

No âmbito da realização da campanha de sensibilização do pagamento do Imposto Predial e do Imposto sobre Veículos Motorizados, os funcionários da Empresa Portuária do Namibe, foram alvos da referida campanha na manhã desta Quinta Feira, (08), numa promoção da 5.ª Região Tributária (AGT).

O evento que reuniu funcionários das diversas áreas da Empresa Portuária do Namibe – E.P; decorreu no Anfiteatro da Sede da 5.ª Região Tributária e foi orientado pelo Chefe de Departamento dos Serviços Fiscais, Zacarias Livongue, coadjuvado pelo Técnico do Contencioso da Repartição Fiscal do Namibe, Sidney Costa.

De acordo com o responsável da AGT, a campanha tem como objectivo apelar aos funcionários das empresas à nível da Província, sobre o cumprimento obrigatório do pagamento de impostos, sendo este o acto considerado como de cidadania, bem como informar aos trabalhadores alguns mecanismos de facilitação para os referidos pagamentos, de modo que sejam cumpridos os prazos estipulados.

Os presentes, foram elucidados sobre a matéria e algumas dúvidas foram prontamente dissipadas pelos prelectores, saindo deste acto, todos os funcionários satisfeitos.

GABINETE DE COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL E MARKETING, AOS 09 DE FEVEREIRO DE 2024.

PORTO DO NAMIBE, INOVAR PARA MELHOR SERVIR

PORTO DO NAMIBE E ADMINISTRAÇÃO GERAL TRIBUTÁRIA ESTREITAM LAÇOS DE COOPERAÇÃO

A Empresa Portuária do Namibe – E.P e a Administração Geral Tributária(AGT), mantiveram um encontro na manhã dessa segunda-feira (05), com o objectivo de reforçar as relações existentes entre as duas instituições.

A delegação da 5ª Região Tributária, encabeçada pelo seu Director, Milton Costa, fez-se acompanhar do Chefe de Departamento dos Serviços Aduaneiros, Nelson da Cruz e pelo Chefe de Delegação Aduaneira, Leonardo Neketela.

O encontro que visou fundamentalmente apresentar o novo Director da 5ª Região Tributária discutiu também questões inerentes ao ambiente de negócio nos processos de importação e exportação de carga.

Para o Presidente do Conselho de Administração da Empresa Portuária do Namibe – E.P, Manuel Nazareth Neto, as duas instituições devem procurar criar e manter boas relações institucionais de amizade, sendo este o caminho que aponta para a melhoria do ambiente de negócio da região.

GABINETE DE COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL E MARKETING, AOS 07 DE FEVEREIRO DE 2024.

PORTO DO NAMIBE, INOVAR PARA MELHOR SERVIR

PORTO DO NAMIBE PARTICIPA NO 1º FÓRUM DE INVESTIDORES NA REGIÃO ANGOLANA DO OKAVANGO

Uma delegação do Porto do Namibe encabeçada pelo Presidente do Conselho de Administração, Manuel Nazareth Neto, participou do 1º Fórum de Investidores da Região Angolana do Okavango, que teve lugar nesta Quarta Feira, 17 de Janeiro em Menongue, Província do Cuando Cubango, sob o lema “Explorando as oportunidades de negócios”.

O certame visou fundamentalmente a partilha de conhecimento, análise e reflexão sobre as potencialidades e oportunidades de negócio na região angolana do Okavango, tendo reunido agentes turísticos de Angola, Zâmbia, Namíbia, África do Sul e Botswana, bem como investidores estrangeiros com destaque ao continente europeu.

No discurso de abertura, proferido pela Ministra de Estado para área Social, Dalva Ringote, reafirma-se o compromisso do Executivo angolano com a integração económica regional através da gestão sustentável dos recursos naturais transfronteiriços e do desenvolvimento do turismo transnacional, a nível da região austral.

A Governante, fez saber que no quadro da sua ampla estratégia de desenvolvimento das zonas turísticas, o Executivo, aprovou o Plano Nacional de Fomento ao Turismo para o período de 2023-2027, que prevê especialmente em relação a zona do Okavango- Zambeze, um conjunto de acções com realce para a reabilitação das vias de acesso que interligam o nosso país e as Repúblicas da Namíbia e Zâmbia.

O Ministro da Cultura e Turismo, Filipe Zau, que encerrou o evento, reconheceu a sua importância com vista ao desenvolvimento sustentável da região do Okavango e novas oportunidades de negócio.

O Porto do Namibe como alavanca da economia do Sul de Angola, está a par e passo das pretensões do Executivo nesta região, daí que o Presidente do Conselho de Administração da Empresa Portuária do Namibe, Manuel Nazareth Neto, disse em entrevista à Rádio Nacional de Angola, que o Porto do Namibe tem as condições criadas a fim de recepcionar todo material de apoio e para construção das Infraestruturas turísticas desta região.

Além do PCA, integrou a delegação do Porto do Namibe ao certame, o Director do Gabinete do Conselho de Administração, Virgílio Ambrósio, o Director do Gabinete de Comunicação Institucional e Marketing, Bernardino Viliana, o Chefe do Departamento Comercial, Hanoseto Hach e a Técnica da área de Comunicação, Guilhermina Felisberto.

GABINETE DE COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL E MARKETING, AOS 19 DE JANEIRO DE 2024.

PORTO DO NAMIBE, INOVAR PARA MELHOR SERVIR.

COMISSÃO SINDICAL DA EMPRESA PORTUÁRIA DO NAMIBE ENALTECE O DESEMPENHO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DURANTE O ANO 2023

O desempenho do Conselho de Administração da Empresa Portuária do Namibe – E.P, durante o exercício económico referente ao ano 2023, foi neste fim de semana, 12 de Janeiro, enaltecido pelo Primeiro Secretário da Comissão Sindical, Idalésio Simão, durante a sua intervenção na cerimónia de Cumprimentos de Ano Novo.

Idalésio Simão, fez lembrar que durante o ano 2023, o Sindicato teve como foco a garantia da boa e harmoniosa parceria com o Conselho de Administração e para tal, assegurou ter avistado êxitos na concretização deste desiderato.

“Só quem não vê é porque não quer ver, mas no fundo viu” afirmou Idalésio Simão.

O Primeiro Secretário da Comissão Sindical, avançou que a boa parceria conjugada com aquilo que foi o programa traçado pelo Sindicalista para a melhoria da vida Social dos trabalhadores atingiu numa escala de 0 a 100, 80% do programado.

O Represente do colectivo dos trabalhadores do Porto do Namibe – E.P, assegurou que a Comissão Sindical está a par e passo da envolvência do Conselho de Administração da Empresa Portuária do Namibe na materialização do processo de exportação e transportação do minério de ferro e rochas ornamentais da Região Sul de Angola, e consequentemente, a observância da primeira exportação do ferro gusa, que visa captar mais receitas financeiras para a Empresa e para o País.

GABINETE DE COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL E MARKETING, AOS 16 DE JANEIRO DE 2024.

PORTO DO NAMIBE, INOVAR PARA MELHOR SERVIR